Envie sua notícia
(67) 9 9857-3088

Terça , 22 de Outubro de 2019

BONITO
Produção integrada de MS impressiona ministros em reunião do Brics
27 SET 2019
Por Dourados News
13:35

Foto:
A carta conjunta assinado pelos cinco países que integram o Brics – Brasil, Índia, China, Rússia e África do Sul -, após a nova reunião do grupo, nesta quarta e quinta-feira em Bonito, deixou patente que o esforço para o aumento da produção de alimento cada vez mais se alicerça na sustentabilidade. A integração do agronegócio com o meio ambiente em Mato Grosso do Sul surpreendeu os visitantes.

“Nos impressionou muito a fazenda que visitamos, onde observamos o respeito ao ecossistema em um ambiente onde temos áreas nativas, água cristalina, gado e agricultura. Vejo Bonito como um exemplo em desenvolvimento sustentável”, afirmou o ministro de Agricultura da Rússia, Sergey Levin. “Levaremos as melhores impressões desse lugar maravilhoso, que une agricultura com paisagens únicas”, disse Mcebisi Skwatsha, da África do Sul.

O documento assinado em Bonito, segundo a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil, Tereza Cristina Dias, baseia-se, principalmente, em inovação e tecnologia para a agricultura, cujo alinhamento avançou muito e que dará o tom aos próximos passos para acordos comerciais. “A ciência será a base desses acordos, buscando o desenvolvimento sustentável e a segurança alimentar dos cinco países”, declarou.


Esforço em comum

Os ministros visitaram na manhã desta quinta-feira a fazenda Ceita Corê, que explora a pecuária e a agricultura de ponta e iniciou a exploração do ecoturismo. No retorno ao Observatório Socioambiental EcoSesi Bonito, distante 6 km do centro da cidade turística, o grupo assinou a Carta de Bonito e falou com a imprensa. A ministra Tereza Cristina destacou o apoio do Governo do Estado ao evento, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), e saiu otimista do encontro.

“Fiz questão de realizar essa reunião em meu Estado, e em Bonito, para mostrar que estamos desenvolvendo práticas sustentáveis na nossa produção e sua integração com o ecoturismo”, disse ela. A ministra acredita que outros itens da cooperação tecnológica do grupo passarão por questões como a sanitária, que deve ser tratada por meio dos organismos internacionais que regem o setor, “para que possamos produzir mais e com sustentabilidade”.

Participaram da reunião do Brincs a ministra de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil, Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias; vice-ministro da Índia, Bimbadhan Pradhan; ministro da África do Sul, Mcebisi Skwatsha; ministro da China, Taolin Zhang;  e ministro da Rússia, Sergey Levin.